espanha-barcelona

Espanha – Barcelona

Está pronta para ir para a Barcelona, mas está precisando de umas dicas ainda para finalmente fechar a mala e pegar o avião?

Você então está no lugar certo…

No post de hoje iremos falar um pouco sobre essa famosa cidade e como se preparar para a viagem.

Vamos lá?

Quanto tempo ficar

O tempo ideal para ficar em Barcelona é de três a quatro dias, mas se puder passe seis dias na cidade, visto que você poderá conhecer mais detalhes da cidade e observar tudo com calma.

A cidade é uma das mais ricas em museus, passeios, parques e museus, então você precisa estar disposta a caminhar e também se esbaldar na cultura.

Pontos turísticos

– La Ramblas: é hoje a rua mais famosa de Barcelona, e por isso você precisa conhecer. Aqui você irá encontrar de tudo um pouco: malabaristas, cantores, pessoas-estátua, quiosques cafés, entre outros.

– Praça de Catalunya: Separando o caminho entre a Cidade Velha e o Eixample, existe a Praça de Catalya. Com suas esculturas e fontes, a praça faz parte da cultura de Barcelona. Aproveite para conhecer algumas lojas, e hotéis.

Mercado de La Boqueria: Enorme e cheio de gente, é ali que os restaurantes compram produtos frescos. Não deixe de tomar o famoso smoothie. As barracas próximas a entrada tendem a serem mais caras. Quanto mais no interior do mercado você for, menor a quantidade de pessoas e o preço.

– Bairro Gótico: Dê uma passada no maior bairro medieval habitado da Europa. São mais de 500 construções tombadas. O distrito tem uma trama urbana anárquica com vielas estreitas e irregulares. Igrejas centenárias e diversos museus convivem com um comércio pulsante entremeado por ruas exclusivas para pedestres.

– Sagrada Família: Considerada uma obra-prima da arquitetura moderna catalã, é obrigação de um bom turista ir visitar esse local, pois é um dos pontos mais incríveis da Europa

– Casa Batlló (Casa dos Ossos): é mais um Patrimônio Mundial da UNESCO. Com um estilo Art Nouveau, a fachada evoca imagens de sonhos e fantasias, com formas que lembram ossos. A parte interna da casa não deixa de ser menos espetacular.

– Museu Picasso: São mais de 3.500 obras de Picasso, a maioria feitas na sua juventude, quando ainda estudava em Barcelona. Vá aproveitar.

– La Barceloneta: Um calçadão ornado por palmeiras com diversos lugares interessantes para você fazer uma pausa e almoçar, ela pertencia à classe trabalhadora no século 18 e fora construída entre o Port Vell e as primeiras praias da cidade.

– Port Olimpic Marina: Ele foi construído para as Olimpíadas de 1992 e seus dois edifícios gêmeos serviram como Vila Olímpica e hoje são utilizados como um hotel e edifício comercial. Durante o verão europeu, o local oferece uma das noites mais vibrantes da cidade, juntamente com os bares do El Born. São mais de 85 estabelecimentos para passear.

– Port Vell: criado para os jogos Olímpicos de 1992. Abriga centenas de barcos, grandes ou pequenos, e contém um Aquário. Caso você deseje poderá fazer um mergulho em uma jaula para ver os tubarões de pertinho, já pensou?

A busca pela história está sempre presente em Barcelona. 
Eu vejo as cidades como organismos, como criaturas vivas. 
Para mim, Madrid é um homem e Barcelona é uma mulher. 
E ela é uma mulher extremamente vaidosa. 
– 
Carlos Ruiz Zafón

Onde comer

Aproveitando o momento iremos lhe mostrar alguns lugares que você pode conhecer na cidade e aproveitar a gastronomia local:

  • Can Cullerettes: Dedica-se a comida típica da Catalunha. Tem primeiro e segundo prato e também a sobremesa.
  • Les Quinze Nits: Restaurante com uma variedade maior de comida, mas baseada na gastronomia da Catalunha.
  • Mala Hierba: Decoração da cultura local e a gastronomia de Barcelona;
  • Spoonik Club: Ambiente com música, muito bonito, além de um cardápio muito bem elaborado.
  • Fonda Espanya: Variedade de vinhos e pratos locais;

Documentos

Sobre os documentos necessários, você como turista não irá precisar de visto para visitar Barcelona, a não ser que tenha o interesse de passar mais de 90 dias na cidade.

O seu passaporte deverá estar com uma validade mínima de 3 meses a partir da data de entrada na Espanha e você deve ter uma passagem de volta já para comprovar que você vai apenas passar férias.

Pode acontecer que lhe peçam comprovantes econômicos, onde será comprovado que você terá condição de se manter.

Conclusão

Depois desse post tenho certeza que você irá poder ir viajar para Barcelona e se divertir muito.

Mas, se ficou alguma dúvida sobre o tema, deixe uma mensagem no espaço dos comentários para que eu possa lhe ajudar.

Please follow and like us:
العربيةবাংলা简体中文NederlandsEnglishFrançaisDeutschहिन्दीItaliano日本語PortuguêsРусскийEspañolTürkçe
error

Did you like this content? See more on social networks

Instagram
YouTube
Alerta Email
RSS
Linkedin
error: Conteúdo protegido